O Município: Histórico | Localização | Hospedagem | Gastronomia | Pontos Turísticos | Legislação

COMO SURGE UM MUNICÍPIO

        O homem não pode viver isolado, ele procura viver em grupo, viver em comunidade, em sociedade, participar dos mesmos interesses, trabalhar e cooperar para o bem-estar de todos. Dessa necessidade de  conviver com  outras  pessoas, os  homens vão  se aglomerando em certos  lugares  participando das atividades  da  região, vão  trabalhando e os municípios  vão se  formando. Há outras maneiras  de se  formar  municípios como: exploração das riquezas naturais, construções, estradas, fundações de escolas, fundações de igrejas; tendo  vários  tipos  de  municípios:  antigos, grandes,  pequenos, uns muito populosos  e outros  menos  populosos. E,assim, com essa  fusão  surgiu  a  nossa querida Montividiu do Norte.
        No dia l5 de agosto de 1957, chegaram a esta região dois cidadãos: Dr. Renato “Engenheiro” e Sr. José Antonio Lino Cordeiro.  Em um bate – papo entre eles surgiu à idéia de fundar aqui um povoado, que mais tarde, se tornaria cidade com o nome Montividiu.  Por ser situada próximo ao ribeirão Montividiu.
        Montividiu teve esse nome, por ter nascido na Serra Dourada, onde um monte dividiu dois ribeirões, um seguiu com o nome Corrente e o outro com o nome Montividiu.
       Com o passar dos anos, o povoado foi crescendo tornou-se distrito do município de Trombas e houve a necessidade de se fazer um plebiscito buscado a Emancipação. Este foi realizado no dia 29 de abril de 1992. Com o plebiscito, veio à emancipação política, tornando-se Município de Montividiu do Norte, devido antes ter sido emancipado outro município com o nome de Montividiu, cujo era distrito de Rio Verde.  Só pôde ter este surgimento do município devido à grande luta do povo e das lideranças políticas locais para que desmembrássemos o Distrito de Montividiu do Município de Trombas. 

* De acordo com Atos do PODER  EXECUTIVO  e do  Diário Oficial   de nº. 16.441,  as  Leis: LEI Nº. 11.701  DE  29  DE  ABRIL DE 1992, que;  em seus  artigos  com exposição  da  confirmação  da criação  do Município de MONTIVIDIU DO NORTE ,  governador  responsável  IRIS  REZENDE  MACHADO.
* Com as eleições de 1992, já tivemos a escolha do nosso primeiro Prefeito,  e, a partir de 1º de Janeiro de 1993, com a posse do Primeiro Prefeito Eleito pelo voto direto, transformamos  o Distrito de Montividiu do Norte, em Município de Montividiu do Norte. 
* O primeiro mandato de Prefeito foi por:  CLEMRSOM LOPES DA SILVA E  SEU VICE PREFEITO, JOÃO   MARIANO DA SILVA,  E A PRIMEIRA CÂMARA DE VEREADORES,;  COMPOSTA POR:  Alberto  Rosa  Resende,  David Fellipe de Oliveira,  Jasmo  Antonio de Resende, João Nunes  Vale,   José Isidoro da Silva Neto, José Jorge da Silva,  Otavico Tomas  Mendanha, Pedro Mamede da Chagas e  Thaumires Carneiro Cardoso, com o seus mandatos de 1993 à 1996.
* Segundo mandato de Prefeito foi por:  JOÃO MARIANO DA SILVA E  SEU VICE PREFEITO, ANTONIO MARQUES DE BRITO ,  E A SEGUNDA CÂMARA DE VEREADORES,;  COMPOSTA POR:  Carlos José da Silva,  Francisco Alves Botelho, Genivaldo Joaquim da Silva,  José Isidoro da Silva Neto, José Jorge da Silva,  Luis Carlos de Paia( Luis do Cairo,  Maria de Lurdes Borges, Osmar  Silva, Raimundo Batista de Oliveira e Hermivaine  Silva, com o mandato de 1997 à  2000.
* Terceiro mandato de Prefeito foi por:  CLEMERSON LOPES DA SILVA E  SEU VICE PREFEITO, OTAVICO TOMAS MENDAHA ,  E A TERCEIRA CÂMARA DE VEREADORES,;  COMPOSTA POR:    Francisco Alves Botelho,     Jaci de França  Gomes, Jasmo Antonio de Resende, José Jorge da Silva,  Luis Carlos de Paia( Luis do Cairo), Luis  Carlos de Paiva(Luis Leréia), Luis Antonio da Costa Santos,  Osmar  Silva Oliveira e Raimundo Batista de Oliveira, com o mandato de 2001 à  2004.
* Quarto mandato ( Prefeito :  JOSÉ  SEBBA JUNIOR E  SEU VICE PREFEITO, MISAEL ANTONIO TEIXEIRA,  E A QUARTA CÂMARA DE VEREADORES,;  COMPOSTA POR:  David Zaia de Resende, Divanir  Carlos  Martins,  Francisco Alves Botelho,   Jasmo Antonio de Resende, Jônatas  Silva Souza  ,  Luis Carlos de Paia( Luis do Cairo),  Luisbearto José Pedro, Marinalva Pereira Viana,Neurivan Barbosa do Vale , com o mandato de 2005 à  2006; comandado pelo Prefeito José Sebba Júnior  e  de 2007  até o final de 2008, pelo com o afastamento de José Sebba Júnior, assumiu o mandato o Sr. Misael  Antonio Teixeira..
*- Quinto  mandato (  mandato  atual) Prefeito :      JURANDIR  AMARAL  DA SILVA  E  SEU  VICE   VANDERLEI  VENANCIO    E  A  QUINTA  CÂMARA  DE  VEREADORES  , 
Adenair  Antonio de Rezende,   Enimeire  Lopes  Lima, Jacira Martins  Fernandes Paiva, Jose  Florenço dos Santos,  Luis  Carlos de Paiva, Marinalva  Viana  Pereira, Neurivan  Barbosa do Vale, Sildo  Rodrigues  da Silveira  e Vanderley  Mudesto.
OS  PRIMEIROS MORADORES  DE  MONTIVIDIU  DO NORTE:
         
Altamiro de tal,  Dório de Tal, dona  Joana ,  José Antonio, José Fala Baixo, Misael Nunes  da Nóbrega, Pedro  do  Lago, Pedro  Gonçalves  Evangelista, Sebastião  da Cunha  Rabelo  e  Outros...

IDENTIFICAÇÃO  DO  MUNICÍPIO
Nome:  MONTIVIDIU  DO  NORTE; DATA DE CRIAÇÃO  :29/04/1992;
Área ( km)  :  1.338.1 km 2;
Localização :  Montividiu do Norte, está localizado no Norte do Estado de Goiás;
Distância  da  Capital :  450 km :
Rodovias  principais  para  se  chegar  a Montividiu do Norte : Br  l53  Go. 142 Norte  Goiano
Microrregião:Porangatu
Latitude         ( m) : 13º 06 “45
Longitude    : 48º 36 “26
Altitude       : 396 m
Clima :  O clima  predominante  na  região  é  do  tipo  tropical  chuvoso, com período seco. O  regime pluviométrico é  de  transição  entre  o  equatorial  e o  continente tropical, distribuído  por  meses  chuvoso  que  vai  (de novembro a  março ), e  os  meses  secos que vai  de (junho  a  agosto)  e por meses de  transição ( abril, maio, setembro e  outubro).
Vegetação : Predomina  na  região as  formações de vegetais típicos do serrado, que  são : serrado, serrado  aberto  e campos  serrados, sendo que o serrado aberto  predomina sobre  as demais .  Existem  também  matas  de  galerias, florestas semidecíduas  e veredas.

                    
 
POVOADOS   E  DISTRITOS  DO  MUNICÍPIO
Distrito    :  Mata    Azul 
Povoado  :  São  Pedro 
            ASSENTAMENTOS  E  QUANTITATIVO DE FAMILIAS ASSENTADAS

ASSENTAMENTO FAMILIAS ASSENTADAS

ANA TERRA 26  FAMÍLAS
BOA VISTA DO NORTE 30   FAMÍLIAS
CURRAL  DE PEDRA 29 FAMÍLIAS
DONA HILDA 34 
FLORIANO CARDOSO DOS SANTOS 137 FAMÍLIAS
JOAO RUFINO DA SILVA 22 FAMÍLIAS
PA-JÓIA DA MATA 14  FAMILIAS
JOSÉ PORFIRIO 41  FAMÍLIAS
MATA AZUL 43  FAMÍLIAS
PAI  ETERNO 42  FAMÍLIAS
SANTA FÉ 59  FAMÍLIAS
SANTA JÚLIA   168 FAMÍLIAS
SÃO PEDRO DO NORTE 39 FAMÍLIAS.

A PRIMEIRA  ESCOLA


       A HISTÓRIA DO  COLÉGIO    ESTADUAL     CHICO     MENDES

         A  primeira  escola  em  Montividiu do  Norte  foi  dirigida  pela  professora  Lindalva Pereira  da  Silva, que  atuou  de  1968  a  1976. Lecionando  em  salas  multisseriadas ( de  1a.  `a  4a.  série  do  ensino  fundamental )  em um  simples rancho  que  servia  de  escola   localizado  no  outro  lado do  córrego  Montividiu; depois aqui dentro da  zona  urbana de Montividiu , também  em um rancho  que  servia  como  local  para  celebrar  missas,  casamentos, batizados  e  outros .  A  escola  Municipal, finalmente foi construída  com três  salas, uma secretaria,  uma  cozinha, um banheiro masculino, um  banheiro  feminino, um corredor  coberto  em frente  às  dependências. Até  1978, atendia  uma  clientela  de 1a.  à  4 ª  séries   em  três  turnos : matutino, intermediário  e  vespertino.  No  ano de 1979, passou  a  atender  alunos  de 5a.  à  8a. séries no  período  noturno, isso, com  a  iluminação   fornecida  a  gás  em lampião  e  mais  tarde,  a  motor  estacionário  movido  a  óleo  Diesel.  Até   1974 , o  colégio  funcionou  em condições irregulares não  há  registros  da Escola   nesse período. Os primeiros  documentos  registrados  em Ata  são   da data de 1976. O  funcionamento legal teve início  com a lei de  criação  nº 8.0408  de  l9  de  janeiro de  1978. Nesse período a  escola  pertencia  ao  município de Formoso  com  o  nome  de Escola Estadual  I Grau  de  Montividiu .  Em  1989, por  determinação  da  Secretaria  Estadual  da  Educação,  todas  as  Escolas  da  rede  Estadual  não  deveria  trazer  o nome  de sua cidade ou  bairro, e sim, um nome  específico  para  a Escola. Assim, através  da Lei de  Denominação n+ 11.062,  a  Escola  passou  a  denominar com o nome de  Escola  Estadual  Chico Mendes.  A  escolha  do nome  foi  feita na  época pelo diretor Clemerson  Lopes  da  Silva,  em homenagem ao  Sr. Francisco  Alves  Mendes,  ( 1944 – 1988).  Chico   Mendes ,  era   filho  de  imigrantes  nordestinos, nasceu no  Acre, em  1944.  Trabalhou como  seringueiro  desde  a infância  e não  pode  estudar, pois  não  havia  escola  na  floresta.  Foi  alfabetizado  a partir  de notícias  de jornais, por  volta  dos  18  anos  de idade, por  Euclides  Fernando Távora__ militante  do  Partido Comunista  Brasileiro  que  vivia  clandestinamente  na  região e era uma  das  poucas  pessoas  que  sabiam ler  e escrever. Adulto  consciente de  que  os  patrões  se  aproveitavam dos trabalhadores, Chico  considerava  fundamental que  as pessoas estudassem. Ele defendia  a aliança dos  povos da  Floresta (índios}. Seringueiros, castanheiros e (outros)  e  a  criação  de  cooperativas  agroextrativistas, sem agressão   à  natureza.  Na  década de  70, o governo  militar  iniciou  um  processo  de  ocupação  da  Amazônia,  vendendo  grandes  áreas   para  as  empresas agropecuárias  do Sul  e  Sudeste.  Muitas  terras  foram  queimadas,  retirando  o  sustento  de seringueiros  e castanheiros.  Em   1976,  começaram  os  “embates”, uma  forma de  resistência em que  os  trabalhadores  rurais, com suas  mulheres  e crianças, impediam (empatavam) a  ação  dos  peões   encarregados de  derrubar  as  matas e  queima-las. Isso  acirrou  o Ódio  dos  fazendeiros   e  desencadeou  reações  violentas. Com o apoio  de  várias  instituições,  Chico  Mendes  lançou  um  projeto  de alfabetização baseado  na  realidade da  floresta, A  cartilha  chamava-se: “Poranga”, nome  da  lanterna  que os  seringueiros  levam na  testa   para  caminhar  na  floresta de  madrugada.  Mais   de  mil pessoas  foram  alfabetizadas  na  região  do Xapuri  com  essa cartilha.  Em  1975,  Chico Mendes  foi  acusado  de  estar formando  “agitadores” e precisou interromper  o  trabalho. 
        Antes de  Chico, outros  seringueiros  haviam lutado pela  organização  dos  trabalhadores locais, mas  ele  foi o  primeiro a denunciar a situação  no exterior.  Em  março  de  1987, numa  reunião  da  B I D, nos  Estados  Unidos, ele  provou  suas  denúncias e  foi  ouvido  pelo  mundo .  Em  22  de  dezembro  de 1988, Chico  Mendes  foi assassinado  em  Xapuri. ( E passou a ser  denominado com o mártir  da  ecologia  brasileira).  Assim sendo,  o  Colégio  Estadual  Chico Mendes pôde a partir de 1993,  a contar  com o início  do  Ensino  Médio  com o  Curso  Colegial. Era  mínimo  o  número de  professores  habilitados com o curso  superior, contávamos com apenas 04 professores.  Na  última  reforma  e  ampliação  em 1995, a  Escola  passou  a  atuar  com  02 pavilhões,  08 salas, 01  cantina  e  01 depósito da  cantina,  e  01  depósito   ou  almoxarifado,  04  banheiros feminino, 04 banheiros  masculino, 01 sala  de  secretaria,  01  sala  de  direção  e 01 sala  para  professores .

                         DIRETORES  QUE  DIRIGIRAM  O  COLÉGIO   ATÉ 2011
1º    - Saulo   José
2º    - Elisa  Maria  Sirilo .......................    ( 1978   a  1982 )
3º    - Mauricio Luiz  Ceregatt  ..............   .(1983)
4º    - Clemerson Lopes da Silva ............ . ( 1984  a 1991 )
5º    - Elizabeth  Quintanilha   da  Silva .   (1992 )
6º    - Maria  Aparecida  Teixeira  ..........  .( 1993 )
7º    - Gilma  Rodrigues  Coelho   ........... .(1994  a 1996 )
8º    - Elizabeth  Quinantanilha  da  Silva  ( 1997  a 1998 )
9º    - Maria  Aparecida  da  Silva  Nunes  (1999 )
10º  - Joás  Silva  Araújo    ......................  ( 2000)
11º  - Noêmia  Alves de  Paiva .................( 2001 a  2002 )
12º  - Maria  Aparecida  de  Souza Nunes ( 2003.a 2004)
13º  - Maria Aparecida de Souza   Nunes. (2005 a agosto   2007)
14º - Lucilene Ferro Bispo da Silva           (2007 a  agosto  2009)
15º+ Lucilene Ferro Bispo da Silva           (2009 a agosto   2011)
16º   Cláudio Jose de Medeiros Almeida   ( Eleito para a gestão 2011/2013)
 
 
ESCOLAS   ATUAIS
        Atualmente   em nosso  Município,  existem  dois  tipos  de  escolas: o da rede Estadual  que  atende   aos  alunos   de 2a. a  8a. séries( 2ºano ao  9º ano)  do  Ensino Fundamental  e  o  Ensino  Médio, e  a  da  rede  Municipal  com   a alfabetização  de  Jovens  e  Adultos e o programa  Alfabetização  para  todos .  Todos  contam com  professores  formados em curso de  Pro - Formação  ou  cursos  especiais  na área,  ou  Faculdade  com licenciatura  plena ou  estão cursando.  O  município  conta com nove  Escolas  Municipais e duas Escolas  Estaduais .

                                         PRIMEIRO  COMÉRCIO
        A primeira  casa  de  comércio  foi  fundada  pelo  senhor Altamiro, que  vendeu  para o  Sr. Antonio  Paraná  e  este  vende   para  o  sr. Sebastião  da  Cunha  Rabelo  cujo  esteve   à  frente  do  comércio  até  2000.
 
 
                                        COMÉRCIOS  ATUAIS

          Existem  na  atualidade :   cinco  comércios de  secos  e  molhados  , três  lojas de  roupas e  calçados,  duas  casas  de  material  para  construção , três  casas  de  produtos veterinários e  agropecuários, uma  Farmácia  e  dois  Postos  de  Medicamentos;  uma  Churrascaria,  dois  restaurantes ,  mine estabelecimentos  comerciais, três  máquinas de  beneficiar  arroz, duas  padarias,  três  açougues  na  sede   e um no  distrito de Mata Azul, uma  loja de Auto Peças  e  de bicicletas , uma  casa de  Auto Peças,  três  oficinas para carros , uma  oficina  para  Moto  e  Bicicletas, uma  oficina de Bicicletas e 02 postos de revenda de petróleo e um de gás  liquefeito de petróleo, etc.
  
POPULAÇÃO DO  MUNICÍPIO

      A  população  do município  de Montividiu do Norte, é  formada  por  pessoas que  vieram de  diversos  lugares;  a  população do município aumenta  ou diminui conforme o  número   de  pessoas  que nascem  ou  morrem. Os  que  vêm de outros lugares  ou  que partem para outros  lugares.
       No  município  pode  haver  ainda  pessoas  que  vieram  de outros  municípios, de  outros  estados  ou  países  estrangeiros.  Estes  estrangeiros também trouxeram para o  município o seu  modo  de  vida ,  seus  costumes  e  seus  hábitos.
       Para  sabermos  quantos  habitantes  existem em  Montividiu do Norte, observamos  o recenseamento  feito pelo I B G  E (Instituto  Brasileiro de  Geografia  e  Estatística) , cujo foi  o  órgão  encarregado  pelo  governo para  fazer  o  recenseamento.
       Como   o  recenseamento  é  a  contagem dos  habitantes de  um país,  estado ou  município, feitos  de  dez  em  dez  anos. Sendo assim, com este  levantamento estatístico, foi  encontrado o total de habitantes  do  nosso município  de aproximadamente 4.796(quatro  mil setecentos e  noventa e seis) habitantes, sendo:    2.093Dois mil e noventa e três)  habitantes  na  zona  urbana  e  2.703. (Dois mil e setecentos e três)  habitantes  na  zona rural.  A  população  rural  aumentou  bastante, devido  aos  assentamentos  existentes em nosso município.

                              OS  SERVIÇOS  QUE  O  MUNICÍPIO  OFERECE
 
 Em todo   município , o  governo  procura  beneficiar o povo, mantendo vários  serviços públicos;  constrói  escolas,  jardins, estradas, pontes,  bueiros, pavimentação, etc.  Além de  serviço  de  limpeza pública,  iluminação  das  ruas, coleta de  lixo, serviço de  saúde,  tratamento  de água  e muitos  outros.  Todos  estes  serviços são feitos com o dinheiro  que  vem  para  o  município  e  com os impostos,  arrecadados no município,  o  Prefeito  executa  todas  as  obras  necessárias  à  cidade e ao  município.  O Cidadão paga  as  taxas  pelos serviços  públicos  recebidos, como :  água,  energia,  telefone, coleta de lixo  e  etc.  Há  vários  tipos  de  impostos:   municipais, estaduais  e  federais.  Os  impostos  e  taxas  são  pagos  atualmente  em  bancos, correios, agências lotéricas  e coletoria. .

ASPECTOS   SÓCIO - ECONÔMICOS  DO  MUNICÍPIO

          O  município  de  Montividiu  do  Norte, é caracterizado  atualmente no ramo  econômico  como  agropecuário, sobressai  mas  à  criação  de  gado de  corte,  porém, já está  sendo   incentivada  a criação  de  gado  de leite ,  .
          A  produção  agrícola  que  já foi  de  arroz,   feijão,  milho,  cana de açúcar, banana,  mandioca,  laranja,  café  e  abacaxi, hoje se  encontra em decadência, produzindo apenas  o suficiente  para  o consumo   da  população, porém  com início  de  criação  no  município  pelo  “Pronaf” estão  surgindo novos  tipos  de  economias  como:
A  fruticultura,   limão,  laranja  e   manga  para  exportação, etc..
Na  avicultura, se  despontando com   a  galinha  caipira  melhorada  “frango  precoce”.
          A  queda  da  produção  agrícola  deu-se  devido  à  falta  de  incentivo para  a  agricultura familiar e os  autos  juros  que  impossibilitou  aos  agricultores  na  aquisição  de  rendas  para  ser aplicadas no  setor agrícola. 
          A produção  de  farinha  de  mandioca  é  destaque  e  se dá  através  de  pequenas  fábricas, que  necessitam de  incentivos  por parte  do  governo.
               
PERCENTUAL  DA  POPULAÇÃO

          As  atividades  que  mais  geram  empregos  no  município  além  dos  funcionários  públicos  Estaduais   e  Municipais,  são:  o  comércio  local, e as fazendas que  não  chegam  a serem significativos devido  o  baixo número  de  mão-de-obra  utilizada.
          O  comércio  local,  varia  de  pequenos  e  médios  estabelecimentos, atendendo  ao  consumo  básico.
          As  fazendas são  na  maioria  de  criação de  gado  leiteiro  e de  corte.
          A  taxa de  desemprego é  de 45%
  Arrecadação  anual  do  I C M S e demais fundos é de  outras receitas - R$ 10.172.809.18 (dez milhões cento e setenta  e dois mil oitocentos e nove reais  e  dezoito centavos) em 2010
  A  taxa  de analfabetismo é de :  12.75%
            
                                                       Grau de escolaridade

Semi alfabetizado: 23,33     1º grau  completo  28.58 %  e  2º grau  completo  é  de  29.34%, 
3º Grau completo mais ou menos .6.00%.

LIMITES   E   FRONTEIRAS
          Todo o  município  não  está  isolado,  existem  outros  municípios  que  são  seus  visinhos. O  município  é  separado  por  limites  em: divisas por Serra, Fronteiras, córregos, cercas , placas; como  é  de  costume com alguns dos itens citados, por  isso,  o Nosso  Município teve as  seguintes  demarcações:  Limita-se  com  o  município de Trombas,  Porangatu,   Minaçu  e  o  Estado do   Tocantins.

                        CONHECENDO  NOSSA  CIDADE
 As  principais  ruas  de Montividiu  do Norte  são :
A  antiga  rua  14,  passou  a  chamar-se”; “Orlando  José  Borges”:
A  Avenida  Presidente Kennedy ou  Antonio  Hernandes, passou  a chamar-se “Avenida  Alípio  Antonio  de  Paiva”
Rua  01 ----Rua  02 ----Rua   03 ---- Rua   04 ---- Rua  05  ----Rua   06—Rua  08---Rua 09 -----Rua  10  ---Rua    11----  Rua   12 ---- Rua  17  ----Rua   18---Rua  18--- Rua 20 -----Rua  22----Rua     23----  Rua   25 ---- Rua   31---Rua  33-
Rua  07 passou  a  chamar-se “Maria  Barreira  Barbosa”;
Rua  09 Passou  a  chamar-se  “Maria de  Oliveira  Silva
Rua  13 passou  a  chamar-se “Pedro  Gonçalves   Evangelista”;
Rua  15 passou  a  chamar-se “Laudeson da  Cunha  Rabelo”; até a rua  14
Rua  15 da rua 14 à fazenda Castanheira  passou a chamar Carluço Pires Fonseca;
Rua  16 passou  a  chamar-se “José  Antonio  Lino  Cordeiro”;
Rua  21 passou  a  chamar-se “Rita  Cândido de  Jesus” ;
Rua  29 passou  a  chamar-se “Augusto Alves de Amarim”;
Rua  Arueira  
Rua  Angico
Rua  Ipê
Rua  Jatobá
Rua  Sucupira
 Os  nomes  das  ruas  e  avenidas da  cidade de Montividiu do Norte  foram modificados através  da Lei  Municipal  nº 059, de 11 /07/ 1996  e  060  de ll/07/ 1996    e  outras  com o  surgimento  de  novos  Bairros  como :  Conjunto  El Shanday,  Vila  Nova  Esperança;  Tendo  também  o  Distrito  de  Mata  Azul, cujo ficou  com  as  seguintes  denominações:  Avenida  Palmeirópolis, Rua  Anápolis ,  Rua  Estrela  do  Norte,  Rua Campinorte,   Rua   Caxias,   Rua  Crixás, Rua  Formoso,  Rua Campinaçu,   Rua  Santa  Tereza,    Rua  Gurupi,  Rua Minaçu,
     
PRINCIPAIS    RIOS  E  CÓRREGOS DO  MUNICÍPIO
 Rio   Santa   Tereza,    Cana  Brava ,     Capivara ,     Capivarinha,  Montividiu,  Emburuçu ,  Lageado,   Lava  Bundas ,   Larga,  Riachão,Patrona ,Corrente,  Manoel  Gomes,   Feijão   e  outros.
 

 
GRUPOS  SOCIAIS  DO  MUNICÍPIO
 Como  grupo  Social  é  formado  por   um  conjunto  de  pessoas  que  possuem os  mesmos interesses  em  comum. Em  Montividiu  do  Norte, também possui  vários  grupos  Sociais, cujos  começaram a se  formarem de acordo com a  chegada  de  alguns  imigrantes  como já foi dito no início deste documentário, isso,  conforme  o  tamanho  e o  grau de parentesco  e a  posição social  como:  A  Família, como   é  a  Célula  vital  de  uma  Sociedade, os  grupos  sociais  em Montividiu  do Norte, foram  variando conforme a  sua  Família  e  às  transformações  e  desenvolvimento aqui surgidos, como :  Grupos  religiosos, Grupos  Políticos,  Times  de  Futebol,  Assistentes  Sociais,  Escolas,  Câmara  de  Vereadores, Comerciantes,  Fazendeiros, Lavradores,  Indústrias, Etc. 
ORGANIZAÇÃO   SOCIAL
IGREJAS:

Assembléia  de  Deus
Adventista  do  Sétimo  Dia
Católica  Apostólica  Romana
Congregação  Cristã  no  Brasil
Deus   é  Amor
Presbiteriana  Renovada
SINDICATOS:

Sindicato  dos  Trabalhadores  Rurais
ASSOCIAÇÕES:
Associações  dos  Pequenos  Produtores  Rurais.
 
ENTIDADES :

Escolas  Estaduais  -  02
Escolas  Municipais   06
 
 
Ações   Religiosas :
Grupo  Pastoral   da   Criança
Grupo  Pastoral   da  Família
Grupo  Pastoral   do  Idoso
Grupo  Pastoral   do  Batismo
Grupo  Encontro de  Casais  Com  Cristo
Grupo Pastoral de Música
Grupo Pastoral  do Dízimo
 

ASPECTOS  CULTURAIS:
       Todos  nós   gostamos  de  lembrar  com alegria  os  acontecimentos importantes :  datas  e   fatos.  Assim  como em  nossas  casas  festejamos com   muita  alegria:  Dia  dos  Pais, o  Natal,   o Ano  Novo,   também em nosso município  algumas  datas  são  lembradas, como  as  comemorações: Religiosas-  o dia  de  Nossa  Senhora  da  Aparecida, dia  de  Santo  Antonio,  dia  de  São  João ,  São  Pedro, dia de  São  Sebastião, Santa  Luzia; todos  são  festejados  com  rezas, fogos,  biscoitos, bolos, etc. Festas folclóricas  do  Município:  As  festas  juninas, as  Folias de  Reis,  a Festa do Rodeio, cuja  está  ficando  tradicional pela  data do  aniversário da nossa  cidade no  dia  29  de  abril; é o  animadíssimo  Festival  Sertanejo que  já    é  bem  representado em nossa cidade, trazendo Calouros e Cantores de  todas  as regiões  e Municípios  vizinhos.  Além  das  datas Cívicas  comemoradas  pelas Escolas.
          Coletânea  Atualizada   e  Elaborada   pela  Professora  Noêmia  Alves de  Paiva;   em 2002,  e  reelaborada  por  Carlos Antonio  Silva  em  Setembro de 2003,  2004, 2005,2006,2007,2008, 2009 e 2010
Tiradas  das  fontes:   Senso  2001,  documentos  da  prefeitura  Municipal de Montividiu do Norte, Arquivos  do  Colégio  Estadual  Chico Mendes, Apostila  da  História  de  Montividiu  do Norte   e  entrevistas.
Rua Rita Cândida de Jesus, 32 - Cep 76465 - 000 Tel. (62) 3384 - 6282 | Logar no Portal | Webmail